Terça, 16 de Janeiro de 2018

Fontes de fomento para inovação no DF é tema de debate no Brasília + TI

Avalie este item
(0 votos)

O painel “Fontes de Financiamento para Empresas de TI e Startups” reuniu, no último dia de atividades da Mostra Brasília + TI, o coordenador do CNPq Marcio Ramos de Oliveira, o presidente da FAP/DF, Wellington Lourenço e o especialista em startups da Aceleradora Cotidiano, Wesley Almeida, além de empresários do setor e sociedade civil para troca de experiências.

 

No encontro, foi traçado um panorama internacional do crescimento da TI e inovação em comparação ao Brasil, a preocupação ante a recorrente queda do País em rankings de pesquisa e inovação no mundo e também em competitividade econômica. “Somos bons em produzir conhecimento, mas temos dificuldade de produzir riquezas”, alerta o coordenador Marcio Ramos.

 

Os convidados pontuaram os desafios das instituições de pesquisas tanto no âmbito técnico, como no governamental, e destacaram a importância da relação entre empresas e universidades para estruturar os ambientes de inovação no Brasil. "O governo tem que interagir com gente que quer fazer acontecer”, diz Wesley Almeida. O especialista ainda ressaltou que devem ser considerados sempre os dilemas, os riscos de mercado e as formas de investimentos que podem ser feitos neste tipo de empresas, que têm a cultura de aceitar falhas e reciclar talentos como forma de desenvolvimento.

Ler 45 vezes