Segunda, 18 de Dezembro de 2017

Carteira de Habilitação Digital passa a valer no Distrito Federal

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) agora é digital. O governador Rodrigo Rollemberg lançou, nesta quinta-feira (16/11), o aplicativo que transfere para o celular as informações da CNH do motorista. Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o serviço é gratuito.

Por enquanto, apenas motoristas que obtiveram ou renovaram a carteira a partir de maio deste ano têm acesso ao serviço. No verso da habilitação desses cerca de 200 mil motoristas, há QR Code (código lido por aparelhos celulares para conversão em links).
 
Ao todo, há 1,7 milhão de condutores no DF. Os demais devem solicitar segunda via para ter acesso ao código. Para isso, o interessado deve atualizar seus dados no Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran/DF) pessoalmente ou pelo número 154. A partir de sexta-feira, a atualização poderá ser feita pelo site do órgão. Depois disso, é necessário fazer um cadastro no site do Denatran, no endereço www.portalservicos.denatran.serpro.gov.br
 
Para ter a carteira pelo celular, é preciso baixar o aplicativo da CNH Digital no Google Play (Android) ou App Store (Iphone) e cadastrar um login e uma senha de quatro dígitos para quando for acessar o aplicativo. A conexão na internet só será necessária no primeiro acesso, depois só será preciso digitar a senha e acessar. O condutor deve aguardar ser parado por um agente de trânsito para que seja feita a validação.
 

Para não esquecer mais 

 
Segundo Rollemberg, o Distrito Federal é a segunda unidade da Federação a adotar essa tecnologia. A primeira foi Goiás. Como pontos positivos, o governador citou a comodidade e segurança. “As pessoas esquecem com muito mais facilidade a carteira de habilitação do que o celular”, afirma.
 
Para o diretor do Denatran, Elmer Vicenzi, a tecnologia vai dificultar a falsificação do documento. “O QR Code é gerado por um algoritmo de propriedade do governo, não é qualquer pessoa que pode gerá-lo. Toda vez que for exibir a carteira, precisará digitar a senha de quatro dígitos. Se ela perder o celular, ninguém poderá acessar no lugar dela e ela poderá fazer o bloqueio através do portal de serviços do Denatran.”
 
O lançamento é uma parceria do Detran, Denatran e Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). O sistema já está no ar e a portabilidade já pode ser feita. A CNH Digital é opcional, a carteira impressa continuará sendo emitida normalmente.
 
 
Fonte: Correio Braziliense
Ler 83 vezes